Verão no Brasil deve receber 3,5 milhões de turistas estrangeiros

Turismo 08/02/2018 00:00:00

Sol, praia e natureza. Além disso, um país com infraestrutura restaurada após a série de grande eventos e câmbio favorável para os países latino americanos são os ingredientes que fazem a expectativa do turismo internacional ter um salto de 11% neste verão, chegando a casa dos 3,5 milhões de estrangeiros desembarcando até março, o que representa a chegada de aproximadamente 360 mil turistas a mais que 2016. Para a balança cambial do Brasil, a chegada destes turistas representa cerca de US$ 3,15 bilhões.

A Embratur (Instituto Brasileiro de Turismo), responsável pela promoção do Brasil no exterior, acredita que há uma série de fatores que criam esta oportunidade para o País. Em dezembro deste ano o número de voos internacionais com destino ao Brasil cresceu 8,5%, e o número de assentos disponíveis nestes voos cresceu 11,8%. No terceiro trimestre de 2016 as empresas de turismo tiveram crescimento de 4,3% no faturamento.

Em novembro, a emissão de vistos eletrônicos entrou em vigor para a Austrália. Em janeiro, Canadá, Japão e Estados Unidos, segundo maior emissor de turistas para o país, também estão com a emissão facilitada, que deverá sair em 72 horas após a solicitação feita pelo turista, por apenas US$ 40. 

Com o sistema eletrônico, que também inclui viagens de trabalho, há expectativa de um aumento de 25% no número de turistas destes países chegando ao Brasil.

América Latina

Dos 3,5 milhões de turistas que devem chegar ao Brasil nesta estação, pelo menos 2,3 milhões são latino americanos. O maior número de turistas da região são os argentinos. Cerca de 2 milhões de hermanos devem vir curtir o verão no país. Paraguai, Chile e Uruguai, respectivamente, completam o ranking de maiores emissores. Fonte: Jornal de Turismo

COMENTÁRIOS ()