Oficina de Comidas Típicas é uma das mais procuradas na programação Todos por São Luís"

Culinária 14/07/2017 00:09:00


Pratos tradicionais da culinária maranhense na Oficina de Comidas Típicas Regionais promovida no Centro Beneficente Nossa Senhora da Glória, na Alemanha. A oficina integra o programa Todos por São Luís, iniciativa da Prefeitura, que nesta edição contemplou a comunidade do bairro. "O curso é um dos mais procurados entre as diversas opções oferecidas na ação. Há o interesse em aprender sobre a produção e os principais pratos da nossa gastronomia. A oficina é um verdadeiro sucesso, assim como toda a programação que é pensada junto com as comunidades", ressaltou a primeira-dama e coordenadora do programa, Camila Holanda.

Para alguns participantes a oficina foi o primeiro aprendizado no preparo dos pratos típicos. É o caso da aposentada Severa Sá, 80 anos, que soube da oficina durante as reuniões da comunidade no próprio centro e resolveu participar "Quero aprender as receitas porque acredito que todo aprendizado é válido e importante. Achei bastante viável o programa por dá a oportunidade das pessoas aprenderem a cozinhar e até fazer disso uma profissão", disse.

A estudante Isaryanne Souza Asceno, 27 anos, também viu na oficina a chance de aprender mais. "Os pratos que aprendemos a fazer são os mais pedidos. Fiquei satisfeita com a organização e o resultado. Aprendi e vou fazendo em casa. Muito boa a ideia do programa de oportunizar esse aprendizado", disse ela.

A dona de casa Analice Correa, 45 anos, ficou interessada em aprender para a família. "Pretendo também ter uma renda com a venda dos pratos, mas quero fazer na minha casa para minha família. São receitas muito boas e alguns pratos eu realmente não sabia fazer e aprendi aqui. Muito bom. Gostei bastante da oficina", afirmou ela.

Na lista das receitas estão arroz de cuxá, cariru, vatapá, tortas de camarão e caranguejo, arroz Maria Isabel, arroz de vinagreira, peixe serra frito, farofa e para balancear os pratos, saladinhas de verduras diversas. A oficina é realizada em dois dias, sendo um de teoria, onde os participantes aprendem sobre os alimentos e um pouco da história da culinária maranhense; e o mais esperado, a prática, na qual põem a mão na massa, literalmente. "Ficamos muito felizes com a participação de tantas pessoas, aprendendo sobre nossa história e gastronomia e muitos fazendo dessa oportunidade seu trabalho e gerando renda familiar", pontua a primeira-dama Camila Holanda.

No cronograma do Todos por São Luís são mais de 50 atividades e serviços, que proporcionam aprendizado e integração da comunidade. "Com este programa os moradores podem aprender mais, gerar renda e tudo gratuito, dentro do próprio bairro. E é justamente esta a intenção do Todos, levar às comunidades ações importantes, ampliar o acesso e promover a integração social", concluiu a primeira-dama. Ao final do preparo, os participantes puderam degustar os diversos pratos tipicamente maranhenses.

Fonte: Prefeitura de São Luís

COMENTÁRIOS ()